Buenos Aires: dicas de viagem – parte 1

Oii, madames! Tava meio sumidinha pois tava viajando e antes disso, resolvendo uns problemas. Mas voltei com muitas novidades pra vcs!

Passei 8 dias em Buenos Aires e vim dar minhas dicas sobre a cidade. Apesar de não ser muito tempo, como estavámos sozinhos, não fomos de excursao nem nada, dá pra perceber muita coisa e quando fiz minha pesquisa sobre a cidade algumas dicas foram omitidas nos blogs por aí.

01) Moeda

Bom, primeiro vou falar sobre a moeda. O peso argentino está super desvalorizado, então leve parte do seu dinheiro em pesos (afinal é a moeda local) mas leve tbm uma graninha em reais. Se eu tivesse feito isso teria economizado uma boa grana, pois muitos lugares que aceitam reais e podemos negociar, pedir abatimento. Meu irmão e uma amiga compraram perfumes com um preço bem mais em conta do que teria saido se a compra fosse feita no duty free. Quando eles olham pra nós, brasileiros, os olhinhos brilham atras dos reales hahahahaha. Mas fique atento, pois existem lojas que usam um peso a R$0,25  em compensação teve gente que usou a R$0,50, aí não é vantagem MESMO.

Outra coisa: nem entrem na furada de fazer cartao rendimento.

untitled

Eu coloquei pouco dinheiro, apenas 100 pesos, pois se precisasse de dinheiro meu pai poderia depositar. Mesmo sendo pouco, como não queria voltar pra casa com peso argentino, quando fui gastar não pude gastar todo, pois foi recusado. Tive que abatar 15% do valor pra usar. Já meu irmão, colocou uma grande quantia no cartão dele e  passou constragimento algumas vezes. Quando fui trocar o dinheiro, a moça da casa de câmbio disse que se o cartao fosse usado como débito não haveria taxas. Ótimo, né? Mas eles descontam sim, 15% do seu saldo. Depois eles devolvem o dinheiro descontado, mas mesmo assim… Puta de uma sacanagem. Enfim, não indico.

Alias, depender do cartão em buenos aires é uma grande furada. Evite ao máximo. Lógico que existem  lugares que aceitam, mas nesse quesito eles ainda são atrasadinhos. 😉

02) Hospedagem

Ficamos no ibis congresso, perto do Congresso Nacional, no centro de Buenos Aires. O centro não é o melhor lugar para se hospedar, por isso procure bastante um lugar que tenha boas atrações a noite.  Optamos pelo Ibis, pois apesar de ser simples, tava com um preço bom e já sabemos da qualidade do hotel.

03) Transporte

Desembarcamos pelo Aeroparque, e já acertamos um táxi dentro do aeroporto. Ele cobrou $125 por carro. Cuidado quando sair, pois existem muitos taxistas que passam o golpe, ficam atras de você importunando. Lá é o que mais tem. Vá aos quiosques que ficam no próprio aeroporto.  Andar em BsAs com transporte público é a melhor pedida. O taxi lá é barato e mais confortavel, mas existe o risco de golpe entao preferimos andar de metrô e ônibus durante o dia e durante a noite, táxi.

Dica valiosa: compre o cartão SUBE, pois assim vc usa tanto pra metro quanto pra ônibus.

sube

Nas OCA, é onde vc pode adquirir o cartao e carregar. Cada cartao custa $15 e você pode carregar até $200. Foi a melhor coisa que a gente fez! Os onibus de lá, só aceitam moedas para o embarque.. o metrô custa $2,50 e as passagens de de ônibus $1,60 mas variam de acordo com o destino.

04) Cuidado com pessoas que oferecem troca de dinheiro nas ruas.

Quando estávamos na calle flórida, um dos lugares onde os turistas vão pra comprar, nos deparamos com inúmeros homens oferecendo câmbio mais barato (chega a ser macabro, gente… eles ficam parados com cara de gente má gritando “cambio, cambio”. Deu um medinho hahhaahha). Não vá que é furada. Eles podem te dar notas notas falsas e o barato sair caro.

05) Segurança

TODO mundo falava que BsAs era uma cidade super perigosa, que tínhamos que ter cuidado redobrado.. mas na verdade, não foi isso o que vimos. Andamos tranquilamente de ônibus e metrô e nada aconteceu com a gente, mesmo estando explicito que éramos turistas. Agora, é lógico que, como em QUALQUER cidade do mundo, você não pode vacilar. É só tomar as precauções que todos temos que tomar hoje em dia: não ficar com aparelhos eletrônicos a mostra, observar o ambiente em que você se encontra antes de tirar a máquina do bolso, evitar andar com bolsas grandes… esse tipo de coisa, sabe? Éramos 4 meninas e evitamos sair com muito dourado e levar bolsa chamativa.

Por enquanto é só, meninas! Senao o post fica muito grande hehehehe

Aqui vai algumas fotos da viagem:

               Zoo de Lujan: vai ter um post todinho dele! Só adianto que é muito bom!

179775_481015078644238_468223775_n

1016521_480581038687642_1913940912_n

600305_480584722020607_1768817442_n

                                          Obelisco

Beijos, lindonas! Tava morrendo de saudade de postar por aqui!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s